Google+ Followers

terça-feira, 24 de junho de 2014

Sou um Cristão, porque? (Augustin Louis Cauchy (1789-1857) Matemático e Fisico)

"Sou um cristão, isto significa: creio na divindade de Jesus Cristo juntamente com Tycho Brahe, Copérnico, Descartes, Newton, Fermat, Leibniz, Pascal, Grimaldi, Euler, Guldin, Boscowitsch, Gerdil, com todos os grandes astrônomos, todos os grandes pesquisadores das ciências naturais, todos os grandes matemáticos dos séculos passados. E se porventura me perguntarem pela razão, terei prazer em explicá-la. Verão que minha convicção é resultado de estudo cuidadoso e não de preconceitos." 
(Augustin Louis Cauchy (1789-1857), matemático e físico)

domingo, 15 de junho de 2014

A Matemática da Reencarnação




Assim será com com o Espiritismo.

Ele progride muito; mas durante duas ou três gerações, ainda haverá um fermento de incredulidade, que unicamente o tempo aniquilará.

Sua marcha porém, será mais célere que a do Cristianismo, porque o próprio Cristianismo é quem lhe abre o caminho e lhe serve de apoio.

O Cristianismo tinha que destruir; o Espiritismo tem que edificar.”
Livro dos Espíritos, 798

“O movimento humano, em torno das idéias espíritas, tem conseguido grandes realizações e vitórias, contudo encontra-se na sua infância...

Sua etapa de maioridade será atingida após o terceiro período de setenta anos de sua existência.

Neste iniciar do século XXI, teremos céleres mudanças levadas a efeito pela terceira geração de espíritas, chamada por Bezerra de Menezes como sendo a geração solidária.”
Lírios da Esperança, cap 17

Cronologia da Doutrina Espírita

1857 Surgimento do Espiritismo – Allan Kardec
1910 Reencarna Francisco Cândido Xavier - 1ª Geração da Doutrina Espírita
1949 FEB anuncia Pacto Áureo - Unificação do Movimento Espírita
1962 Início da Era de Aquário - 2ª Geração da Doutrina Espírita
2002 Desencarne de Francisco Cândido Xavier
2009 Ciclo de Regenerção - 3ª Geração da Doutrina Espírita

BEZERRA DE MENEZES, NOS INFORMA QUANDO O ESPIRITISMO SERÁ IMPLANTADO NA TERRA.

No livro (*)Atitude de Amor, Editora Dufaux, Psicografia de Wanderley Soares de Oliveira, Bezerra de Menezes nos esclarece que para o Espiritismo ser implantado na Terra houve um planejamento na espiritualidade (como não poderia deixar de ser), e que a implantação teve uma delimitação de três períodos distintos de 70 anos. 

O primeiro período de 70 anos (de 1.857 a 1.927) teve como foco a consolidação do fato de que o Espiritismo não é uma crença fundamentada em idéias humanas, mas, sim, o Espiritismo é a Doutrina dos Espíritos.

O segundo período (de 1.928 a 1.997) teve como objetivos a proliferação dos Centros Espíritas e a difusão do conhecimento espírita.

Foi o período em que ficamos especialistas em fazer belos discursos, sem praticá-los! Passamos a ter conhecimento, mas, sem as correspondentes atitudes. 

O terceiro e último período de 70 anos (1.998 a 2.067) é o que estamos vivendo neste momento!

O que implica o quão essencial é crermos que nossa atual reencarnação é a mais importante de todas as existências que até hoje tivemos.



Sobre este último período, diz Bezerra de Menezes que é o período das atitudes, isto é, este é o momento de praticarmos o que até agora aprendemos com o Espiritismo.


Por exemplo, se temos um belo discurso sobre fraternidade, chegou a hora de sermos fraternos.

Como disse Richard Simonetti, “Chegou a hora do conhecimento descer da cabeça para o coração”, ou como disse nosso também confrade Carlos Abranches:

“Precisamos raciocinar com o coração e amar com o cérebro”. 
Conclusão – : Bezerra de Menezes nos informa que a implantação do Espiritismo na Terra será no período de 1.997 a 2.067, período este dentro dos limites de tempo em que Kardec afirma que o Espiritismo será Crença Comum.



“Ora, da mesma forma que, numa cidade, toda a população não está em hospitais ou nas prisões, toda a humanidade não está sobre a Terra.”
Evangelho Segundo o Espiritismo III; 7

Números Básicos Iniciais - dados 2009


Aproximadamente 30 bilhões de Espíritos ligados ao planeta Terra = Encarnados + Desencarnados
Aproximadamente 6,5 bilhões Encarnados 1/5  > Veja aqui dados on-line
Aproximadamente 23,5 bilhões Desencarnados 4/5


Crescimento médio da População Mundial = Nascimentos (Encarnes) - Mortes (Desencarnes)

Aproximadamente 200.000 dia
Aproximadamente 1.400.000 semana
Aproximadamente 6.000.000 mês
Aproximadamente 72.000.000 ano



ENCARNADOS:

Aproximadamente 4 bilhões de almas doentes em dolorosos processos de reeducação.
Aproximadamente 2 bilhões em busca de recuperação.
Aproximadamente 500 milhões de missionários coletivos para o progresso e bem estar social.




DESENCARNADOS:

Aproximadamente 12 bilhões em lutas e sofrimentos, alguns sem condições de reencarnar no orbe terreno.
Aproximadamente 6 bilhões de almas medianas em tarefas regenerativas.
Aproximadamente 5,5 bilhões de espíritos elevados, missionários, guias espirituais, espíritos superiores, avatares, auxiliares galáticos – a maioria liberados da reencarnação.




“O mundo é o caminho vasto de evolução e aprimoramento, onde transitam, ao teu lado, a ignorância e a fraqueza.”
Fonte Viva, 71 – Emannuel





Desencarnados

Período de TRANSIÇÃO para estágio de REGENERAÇÃO do planeta Terra

1/4 que não tem mais condições de reencarnar e serão exilados para outros planetas mais atrasados compulsoriamente.

1/4 de espíritos evoluídos - não reencarnam, trabalham pelo progresso espiritual da Terra.

1/4 de espíritos que ainda terão uma chance de reencarnação (são aqueles refratários que se negam a reencarnar por mais de 2 a 3 séculos).

1/4 de espíritos em regeneração.




Pela Reencarnação, prolongam-se as afeições além da vida física.

Continuam os laços e vínculos espirituais, noutras existências.

Por seu intermédio estabelecem-se ligações eternas entre corações que se reencontram, inúmeras vezes, na paisagem do mundo, renovando experiências de aprimoramento.
Estudando o Evangelho - Martins Peralva




Atualmente cada casal tem 1,6 filhos
Qual dos antepassados conseguirá reencarnar?


“Consideremos agora o estado moral do nosso planeta e compreenderemos de que gênero deve ser os que predominam entre os espíritos errantes.

Se tomarmos cada povo em particular, podemos, pelo caráter dominante dos habitantes, pelas suas preocupações, seus sentimentos mais ou menos morais e humanitários, dizer de que ordem são os espíritos que de preferência se reúnem no seio dele.”
O Livro dos Médiuns, item 232



DADOS ESTATÍSTICOS 2008/2009  (1 ano)

Total de Abortos + Crianças (espíritos recém reencarnados) que não conseguem permanecer encarnados  (1 ano) 66.600.000

Crescimento Populacional Diário (nascimentos - mortes) 200.000 (2010)

Desencarnação / Ano Aproximadamente 69.000.000

Reencarnação / Ano Aproximadamente 158.000.000

Crianças Desencarnadas últimos 12 meses  2008/2009  Aproximadamente 12.600.000

População Mundial Atual Aproximadamente - jun 2010 - 6.850.000.000 - Veja aqui dados on-line

“No século XX, os espíritos procuraram os homens. Agora os homens deverão ser os parceiros dos espíritos”
Eurípedes de Barsanulfo - Lírios da Esperança, cap 2


EVOLUÇÃO DA POPULAÇÃO ENCARNADA / DESENCARNADA DA ERA CRISTÃ


Época de Jesus, consideremos ano zero da Era Cristã

Aproximadamente 300 Milhões Espíritos Encarnados
Aproximadamente 19,7 Bilhões de Espíritos Desencarnados

Início da Idade Média 476 D.C.

Aproximadamente 200 Milhões Espíritos Encarnados
Aproximadamente 19,8 Bilhões de Espíritos Desencarnados

Século XV - Era dos Desbravamentos e Descobertas = Expansão Territorial Surgimento da Imprensa - Gutenberg = Expansão do Conhecimento

Aproximadamente 500 Milhões Espíritos Encarnados
Aproximadamente 19,5 Bilhões de Espíritos Desencarnados

1900 - Início do Século XX

Aproximadamente 1,6 Bilhões Espíritos Encarnados
Aproximadamente 18,4 Bilhões de Espíritos Desencarnados

1950 - Começa um período decisivo para a humanidade

2000 – Início do Século XXI encarnados/desencarnados 30 Bilhões de seres

Aproximadamente 6,5 Bilhões Espíritos Encarnados
Aproximadamente 23,5 Bilhões de Espíritos Desencarnados

“À noite, quando se desapertam os laços que nos prendem ao corpo, gozamos uma semi liberdade espiritual.

Damos então largas aos nossos desejos e aspirações, recalcadas na vigília: os gozadores dirigem-se aos locais dos gozos sensuais; os viciados, aos dos vícios; os estudiosos, aos de estudo, conferências, aulas.

Há aqueles que integram caravanas de Espíritos socorristas, dedicando-se a amparar o próximo; outros vão molestar seus desafetos; alguns continuam a cuidar de seus negócios; e muitos tornam presa fácil de obsessores, que os vampirizam.

Daí se originam casos de desequilíbrios, e de moléstias indefiníveis, e grande parte dos males que afligem a humanidade”

O Evangelho das Recordações pag. 100 – Eliseu Rigonatti

SERES EM PROCESSO DE DOR E DOENÇAS DO ESPÍRITO E DO CORPO FÍSICO


Aproximadamente 16 bilhões somando encarnados e desencarnados

Aproximadamente 4 bilhões encarnados

Aproximadamente 12 bilhões desencarnados nas regiões trágicas e de desequilíbrio

Média de 3 espíritos em crise para cada alma encarnada em sofrimento

Mais da metade da população total de almas da Terra.

Deste total de 16 bilhões de espíritos em sofrimento encontramos:

Falta de idealismo superior e apego a questões materiais

Aproximadamente 4 bilhões de enfermos buscando o bem

Aproximadamente 4 bilhões de criaturas perversas que deliberadamente agem no mal

Aproximadamente 8 bilhões restantes em apatia, indiferença, indecisão e desânimo

Excetuando os espíritos elevados, que trabalham com amor e disciplina, cada encarnado tem disposto a sua volta 4 espíritos desencarnados nas mais variáveis situações e etapas evolutivas, dos trevosos até aqueles que buscam a REGENERAÇÃO.

Vives sob a construção do que pensas... cada um, em situando o coração onde coloca os interesses, sintoniza com mentes idênticas.

Perturbam os homens da Terra, os que chegaram ao Mundo Espiritual perturbados...

O teu anjo guardião não poderá impedir que os Espíritos perturbadores se acerquem de ti, especialmente se atraídos pelos teus pensamentos e atos, em razão do teu passado, ou invejando as tuas realizações...

Os anjos guardiães são lições vivas de amor, a fim de que te eleves, ao aprisco de Jesus que o levará ao Pai Amoroso.
Celeiro de Bênçãos - Joanna de Angelis


Os Espíritos formam,  grupos ou famílias, unidos pela afeição, pela simpatia e a semelhança de inclinações...

Muitas vezes eles seguem juntos na encarnação, reunindo-se numa mesma família ou num mesmo círculo, e trabalham juntos para o seu progresso comum...

Os que estão livres velam pelos que estão cativos, os mais adiantados procurando fazer progredir os retardatários.
Evangelho Segundo Espiritismo  IV ;18




Aproximadamente 191,5 milhões de Encarnados

Aproximadamente 766 milhões de Desencarnados


Aproximadamente 41 milhões de Encarnados

Aproximadamente 164 milhões de Desencarnados


Cidade de São Paulo

Aproximadamente 11 milhões Espíritos Encarnados

Aproximadamente 44 milhões Espíritos Desencarnados

Aproximadamente 11 milhões - Espíritos Evoluídos -  trabalham pelo progresso espiritual da cidade de São Paulo e de sua população encarnada

Aproximadamente 11 milhões - Espíritos que deliberadamente agem no mal

Aproximadamente 22 milhões - Espíritos em dolorosos processos de reeducação + Espíritos em regeneração





Numa casa com 5 encarnados

Provavelmente transitarão 20 desencarnados

E, se qualquer um te obrigar a caminhar uma milha, vai com ele duas.
Mateus 5;41




"Uma semana na Terra é composta por 10.800 minutos - (dez mil e oitenta minutos)”.

Tomando por base 90 minutos como tempo habitual de uma atividade espiritual voltada para aquisição de noções elevadas, e ainda levando em conta que raramente alguém ultrapassa o limite de duas ou três reuniões semanais, uma semana  3x90’= 270’ = 3% do tempo da semana...

encontramos um coeficiente de no máximo 270 minutos de preparo para implementação da renovação mental, ou seja, pouco menos de 3% do volume de tempo de uma semana inteira.




Palestra: A Matemática da Reencarnação - Dados 2009
Pesquisa e Elaboração: Mirian Stela Dantas Patitucci
Vamos ajudar a transformar o mundo em um lugar de pessoas agradecidas, um lugar para dar e receber... SET/2009

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
Novo Testamento
Livros dos Espíritos – Kardec - 1857
Livro dos Médiuns – Kardec - 1861
O Evangelho Segundo o Espiritismo – Kardec - 1864
Fonte Viva – Emannuel - 1956
Celeiro de Bênçãos  - Joanna de Angelis - Divaldo Pereira Franco - 1973
O Evangelho das Recordações – Eliseu Rigonatti - 1986
Estudando o Evangelho - Martins Peralva - 1987
Lírios da Esperança – Ermance Defaux 2005
IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – 2009
www.worldometers.info/pt/ - estatísticas mundiais em tempo real 2009




Última atualização em Qui, 20 de Março de 2014 18:09

domingo, 1 de junho de 2014

A CIÊNCIA, CADA VEZ MAIS PRÓXIMO DA EXISTÊNCIA DE DEUS.

Testemunho do cientista ex-ateu, Dr. Francis Collins, dado à CNNPDFVersão para impressãoEnviar por E-mail
dr._francis_collins_.jpgPorque é que este cientista crê em Deus?

     Eu sou um cientista e crente, e não vejo qualquer conflito entre aquelas visões do mundo.

     Como director do Projecto do Genoma Humano, eu conduzi um consórcio de cientistas para ler as 3,1 biliões letras do genoma humano, o nosso próprio livro de instruções de ADN. Como crente, eu vejo o ADN, a informação molecular de todas as coisas vivas, como linguagem de Deus, e a elegância e complexidade dos nossos próprios corpos e o resto da natureza como reflexo do plano de Deus.
     Eu não abracei sempre estas perspectivas. Quando me formei em Físico-Química nos anos 70, eu era ateu, não encontrando qualquer razão que postulasse a existência de quaisquer verdades fora da matemática, física e química. Mas depois fui para uma escola médica, e deparei-me com as questões da vida e da morte nos leitos dos meus pacientes. Desafiado por um desses pacientes, que me perguntou, “O que crê, doutor?”, comecei a procurar respostas.

     Tive de admitir que a ciência que eu amava era impotente para responder a questões como, “Qual o significado da vida?” “Porque estou aqui?” “Porque é que a matemática funciona, de qualquer modo?” “Se o universo teve um começo, quem é que o criou?” “Porque é que as constantes físicas no universo estão tão rigorosamente sintonizadas para permitir a possibilidade de formas de vida complexas?” “Porque é que os humanos têm um sentido moral?” “O que é que acontece depois de morrermos?”

     Sempre assumi que a fé estava baseada em argumentos puramente emocionais e irracionais, e fiquei atónito ao descobrir, inicialmente nos escritos do académico de Oxford, C. S. Lewis e subsequentemente em muitas outras fontes, que uma pessoa podia edificar uma defesa muito forte para a plausibilidade da existência de Deus em bases puramente racionais. A minha antiga asserção ateia de que “Eu sei que Deus não existe” emergia sem a mínima defesa. Como o escritor Britânico, G. K. Chesterton, ilustremente assinalou, “O Ateísmo é o mais ousado de todos os dogmas, pois é a afirmação de uma negação universal.”

     Porém a razão apenas, não pode provar a existência de Deus. A fé é razão mais revelação, e a parte da revelação requer que uma pessoa pense com o espírito como igualmente com a mente. Tu tens de ouvir a música, não apenas ler as notas na pauta. Por fim, é requerido um salto de fé.

     Para mim esse salto aconteceu nos meus 27 anos de idade, depois de uma busca de aprendizagem sobre o carácter de Deus me ter conduzido à Pessoa de Jesus Cristo. Eis uma Pessoa com assinalável forte evidência histórica da Sua vida, que fez declarações impressionantes sobre o amar o próximo, e cujos clamores sobre ser o Filho de Deus pareceram exigir uma decisão sobre se Ele estaria iludido ou certo. Depois de resistir por quase dois anos, descobri que era impossível continuar a viver num tal estado de incerteza, e tornei-me seguidor de Jesus.

     Eu descobri que há uma harmonia maravilhosa nas verdades complementares da ciência e da fé. O Deus da Bíblia também é o Deus do genoma. Deus pode ser encontrado tanto na igreja como no laboratório. Ao investigar-se a criação majestosa e tremenda de Deus, a ciência pode de facto ser um meio de adoração.

Nota:
 Collins escreveu o livro “A Linguagem de Deus” (editado em Portugal pela Presença). O título do livro "A Linguagem de Deus", surgiu de uma declaração do presidente americano Bill Clinton ao anunciar a finalização da 1ª fase do Projecto Genoma em 2000: "Hoje estamos a aprender a linguagem com que Deus criou a vida." Também ficou célebre esta sua frase: “Eu acredito que o ateísmo é a mais irracional das escolhas.” (Revista Veja, Edição 1992 - 24 de Janeiro de 2007)".